cresol mobile

20.04.2021 às 07:23h - Educação

Militares devem atuar na escola Cívico-Militar a partir do mês que vem

João Bresolin

Por: João Bresolin São Miguel do Oeste - SC

Militares devem atuar na escola Cívico-Militar a partir do mês que vem

Continua depois da publicidade

A escola cívico-militar, Jaldyr Faustino da Silva do bairro São Gotardo, em São Miguel do Oeste, está em pleno funcionamento desde o mês de fevereiro. A informação é da coordenadora regional de Educação, Eliane Galeazzi.

Conforme ela, as aulas já tiveram início naquele mês e agora a instituição está aguardando a chegada dos militares para atuar diretamente com os alunos. De acordo com ela, esse procedimento já está adiantado e deve ocorrer em breve.

Segundo Eliane, a escola já possui mais de 200 matrículas novas, o que é extremamente positivo na visão da profissional. Ela afirmou que após a implementação da escola cívico-militar, o número de alunos matriculados praticamente dobrou na instituição. Ela destacou que as matrículas seguem abertas para todas as turmas, sendo do sexto ao nono ano e ensino médio. Eliane explicou que os pais que desejam matricular seus filhos na unidade devem procurar a escola para realizar o procedimento.

Em relação aos militares que vão atuar na escola, ela lembrou que houve um período de inscrição para os interessados em fazer parte da instituição. Ela salientou que esse procedimento já foi encerrado na última semana.

Eliane Galeazzi comentou que cerca de 10 militares entre profissionais do Corpo de Bombeiros e Polícia Militar devem atuar na escola cívico-militar do bairro São Gotardo em São Miguel do Oeste. Ela disse que entrevistas foram realizadas com o objetivo de definir quem vai estar presente na unidade escolar. Ela pontuou que esses profissionais devem estar na escola Jaldyr já a partir do mês que vem.

Eliane salientou que o número de militares é relativo ao número de alunos e por isso pode haver aumento no número de profissionais, caso também haja um aumento de alunos na instituição.

Ela declarou que a gerência de Educação de São Miguel do Oeste já encaminhou para o Estado um projeto que prevê melhorias no espaço físico da escola Jaldyr Faustino da Silva do bairro São Gotardo. Ela citou que todos os levantamentos necessários já foram elaborados e estão à disposição da secretaria de Estado de Educação.

Eliane acrescentou, que agora, basta organizar a parte burocrática para que de fato os trabalhos iniciem. Ela disse acreditar que até o final deste ano as obras já tenham iniciado na escola Jaldyr Faustino da Silva de São Miguel do Oeste.

Foto(s): Arquivo: Cristian Losch/ Portal Peperi

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.