ÁUDIOS
Globo em Foco - Itapiranga - AM

Globo Em Foco Itapiranga - 03/05/2021

GLOBO EM FOCO – 03/05/21

-CPI DA COVID INVESTIGARÁ FALTA DE VACINAS PARA APLICAÇÃO DA SEGUNDA DOSE

-ESTADO DEFINE PRIORIDADES PARA VACINAR PESSOAS COM COMORBIDADES

-SÃO JOÃO DO OESTE ENFRENTA A PIOR ESTIAGEM EM 50 ANOS

-HOSPITAL REGIONAL REGISTRA TRÊS MORTES DECORRENTES DE COVID

-MUNICÍPIO VOLTA A TER PARTOS APÓS OITO ANOS

-NUTRICIONISTA ALERTA PARA ALTERAÇÕES NA ALIMENTAÇÃO NAS ESCOLAS

-JOVEM É PRESO COM ARMA DE FOGO EM ITAPIRANGA

-ARGENTINO FICA GRAVEMENTE FERIDO NO INTERIOR

O Tempo em Itapiranga apresenta-se bom. A previsão para as próximas horas é de sol com algumas nuvens. A temperatura máxima registrada ontem em Itapiranga foi de 30 graus.

De acordo com o Banco Central, o dólar está cotado a cinco reais e 42 centavos. O euro está valendo seis reais e 52 centavos. Já o peso argentino está cotado a seis centavos.


As autoridades de saúde do Reino Unido têm um plano para vacinar as adolescentes a partir de 12 anos antes do começo das aulas no segundo semestre, de acordo com uma reportagem publicada pelo jornal "The Times". Segundo a publicação, os adolescentes dessas idades receberão uma dose de vacina antes do início e uma segunda já durante o período de aulas. O objetivo é evitar interrupções durante o próximo ano letivo. A medida pode ser reproduzida por outros países onde as campanhas de vacinação estão avançadas.

O governo de Portugal informou neste sábado que estenderá até 16 de maio as restrições que impedem viagens não essenciais de países com altos índices de infecção de coronavírus, incluindo Brasil e Índia. Viajantes de países onde há 500 ou mais casos por 100 mil pessoas em um período de 14 dias - o que também inclui África do Sul, França e Holanda, entre outros - podem entrar em Portugal apenas se tiverem um motivo válido, como trabalho ou por motivos de saúde, afirmou o governo. Mesmo assim, elas precisam fazer quarentena por 14 dias.


O presidente da Colômbia, IVAN DUQUE, disse no domingo que vai retirar a proposta de reforma tributária depois de protestos no país e de ampla oposição por parte dos parlamentares. DUQUE já havia afirmado na sexta-feira que a lei seria revisada para remover alguns de seus pontos mais polêmicos, como o nivelamento do imposto sobre vendas de alguns alimentos e de serviços públicos, mas o governo já havia insistido que não o retiraria de pauta. No sábado houve o quarto dia consecutivo de protestos. Os manifestantes diziam que a reforma tributária pune a classe média com medidas como o aumento do imposto por valor agregado que incide em bens e serviços.

O governo federal não vai renovar a Operação Verde Brasil Dois, que manteve tropas das Forças Armadas reforçando, por um ano, ações de combate a crimes ambientais na Amazônia. O decreto que mantém a operação de "garantia da lei e da ordem" ambiental terminou nesta sexta-feira. Em nota, o Ministério da Defesa informou o encerramento da operação e disse que os militares, a partir de agora, poderão dar apoio logístico aos órgãos federais, estaduais e municipais de fiscalização “quando demandados”. Esse apoio logístico já é previsto por lei, de forma permanente. As tropas também foram autorizadas a agir em operações preventivas e repressivas para combater desmatamento e queimadas ilegais, por exemplo.


O presidente da Câmara dos Deputados, ARTHUR LIRA, afirmou que a proposta que autoriza o governo a privatizar os Correios deve ser votada entre junho e julho deste ano. Ele acredita que o governo tem votos para aprovar a proposta e ressaltou que o Congresso tem o perfil reformista. Para o deputado, seu compromisso não é com o mérito do texto, mas o de fazer as discussões acontecerem. LIRA destacou a reforma administrativa como uma das prioridades do Parlamento. Para ele, essa é uma reforma essencial para que o cenário econômico do Brasil melhore, inclusive no período pós-pandemia.


Integrantes da Comissão Parlamentar de Inquérito da Covid decidiram investigar a ausência de vacinas para a aplicação da segunda dose da CoronaVac. Oito capitais brasileiras suspenderam a aplicação da segunda dose devido a falta do imunizante. A CPI da Covid foi instalada nesta terça-feira no Senado Federal. A Comissão é responsável por apurar ações e omissões do governo federal e eventuais desvios de verbas federais enviadas aos estados para o enfrentamento da pandemia. Nesta semana a CPI irá ouvir os ex-ministros e o atual titular da Saúde, senadores cobrarão explicações e soluções para a falha de planejamento da pasta.

A Comissão de Transportes e Desenvolvimento Urbano da Assembleia Legislativa promove nesta segunda-feira, a partir das duas horas da tarde, uma reunião ordinária ampliada sobre os impactos para Santa Catarina do corte no orçamento federal de 2021. A reunião contará com a presença de deputados estaduais, federais, senadores e dos representantes da Secretaria de Estado da Infraestrutura, da Secretaria de Estado da Fazenda, Fiesc e Procuradoria-Geral do Estado. O anúncio de corte de 136 milhões no orçamento federal para obras de infraestrutura no estado, afetando a execução de obras nas BRs 470, 282, 280, 163 e 285 foi duramente criticado pelos deputados catarinenses nas sessões na semana passada e pelo setor empresarial de todo o estado.

As vacinas prometidas pelo governo federal ao Estado de Santa Catarina chegam nesta segunda-feira. O pouso no Aeroporto Hercílio Luz, em Florianópolis, está marcado para a uma e 45 da tarde. São 232 mil 750 doses da Astrazeneca e 17 mil 550 da Pfizer. As vacinas da Pfizer serão destinadas para Florianópolis e São José. Com a chegada dos novos imunizantes, os munícpios poderão seguir com o cronograma de vacinação da primeira dose para os grupos prioritários. Neste sábado, chegaram 29 mil 600 doses da Coronovac que serão usadas na aplicação da segunda dose para os idosos com idade entre 65 e 69 anos.

Uma reunião da Comissão Intergestores Bipartite, na noite deste domingo, definiu as regras para vacinação das pessoas com comorbidades em Santa Catarina. O Estado imunizará primeiro pacientes considerados de alto risco. Entrarão na lista de prioridades pessoas com Síndrome de Down, com doença renal crônica e dependentes de hemodiálise, transplantados, pessoas com deficiência permanente e as que fazem parte do grupo de comorbidades por qualquer doença e estão na faixa etária dos 55 a 59 anos. As grávidas ou puérperas – mulheres que acabaram de dar à luz – que tenham comorbidades também entrarão no grupo prioritário. As demais, como hipertensos e diabéticos, entram na etapa seguinte.

Hospital Regional registra três mortes decorrentes de Covid no fim de semana. De acordo com o Boletim Informativo Diário divulgado pela assessoria de imprensa do Hospital Regional Terezinha Gaio Basso de São Miguel do Oeste os pacientes que vieram á óbito são homens entre 64 e 72 anos de São Miguel do Oeste, Guaraciaba e Dionísio Cerqueira. Ainda de acordo com o boletim, foram registradas duas altas de pacientes que estavam na Unidade de Terapia Intensiva para a enfermaria. Já a ocupação dos leitos de UTI Covid no Hospital Regional neste domingo, era de 20 pacientes confirmados com a doença. Na enfermaria são 12 confirmados.

Sábado o Hospital Regional Terezinha Gaio Basso - Instituto Santé realizou a primeira captação de órgãos do ano. O processo foi coordenado pela SC Transplantes que regula a fila e recebimento dos órgãos no Estado, trabalhando em conjunto com a Comissão Hospitalar de Transplantes da Instituição. O doador, irá beneficiar outras cinco pessoas. A autorização para a doação só ocorre após confirmação da morte encefálica. A coordenadora da Unidade de Terapia Intensiva, ANDRÉIA FIORINI ressalta sobre a importância de conscientizar a sociedade sobre a importância da doação de órgãos e tecidos e, ao mesmo tempo, fazer com que as pessoas conversem com seus familiares e amigos sobre o assunto.

Liberada licença ambiental do loteamento Dona Lídia. A entrega da licença ambiental de operação do loteamento Dona Lídia foi realizada na sexta-feira. Conforme o prefeito, ALEXANDRE RIBAS, a entrega da licença é uma realização para a gestão municipal, que está fazendo a sua parte para não travar o progresso do município. Com a emissão da licença, o loteador poderá dar sequência ao processo de implantação do loteamento, com sistema de esgotamento sanitário e vistoria final. O Governo Municipal também está acompanhando os trâmites de outros três empreendimentos, todos em fase avançada de análise ambiental, com expectativa de liberação nos próximos dias pelo órgão responsável.

Equipe mantem serviços de recuperação das estradas de Itapiranga. O vice prefeito, NILO BOURSCHEIDT, acompanhou obras que estão sendo executadas pela secretaria de Transportes e Obras na comunidade de Santa Cruz, próximo a Cordilheira. BOURSCHEIDT chama atenção que a estrada é estreita, com muitas curvas fechadas e pontos íngremes. Ele salienta que para melhorar o fluxo de veículos foram iniciados os serviços de alargamento, abertura das curvas e retirada de terra para posterior cascalhamento, patrolamento e compactação.

Fetaesc cogita vazio sanitário para combater cigarrinha do milho. A informação é de LUIZ SARTOR, vice-presidente da Federação da Agricultura do Estado de SC, Fetaesc. Em reunião realizada ainda em abril foram discutidas alternativas para combater a cigarrinha, praga que devastou lavouras de milho no estado. Este encontro reuniu, além da Fetaesc, vários órgãos relacionados ao agronegócio, como Epagri, Cidasc, Secretaria de Estado da Agricultura, Faesc, Ocesc e universidades. SARTOR ressalta que a cigarrinha já existia nas lavouras de milho do estado há mais tempo, porém em quantidades menores, que não causavam prejuízos. Com o agravamento dos danos causados pela praga, a Fetaesc, junto com os órgãos envolvidos, está elaborando material de divulgação para os agricultores, com medidas preventivas para auxiliar no combate. Uma das principais recomendações é que os agricultores eliminem restos de milho que possam ficar na propriedade, que nascem depois da safra. A atitude ajuda a eliminar todos os insetos hospedeiros.

Outra orientação da Fetaesc é utilizar variedades mais resistentes e plantar na hora correta. LUIZ SARTOR destaca que as universidades vão passar a desenvolver trabalhos científicos nos próximos dias, com coleta de amostras em vários pontos agrícolas do estado, atacados pela cigarrinha. Estas amostras serão utilizadas em testes de laboratório para ver de que tipo de vírus a praga está infectada, e qual a quantidade de cigarrinhas infectadas que existe em cada região. É um trabalho científico que, segundo o vice-presidente Fetaesc, vai levar alguns anos. A Federação da Agricultura também pretende fazer um vazio sanitário no ano que vem, com um período em que não será permitido plantio de milho, pois é só a partir deste cereal que a cigarrinha sobrevive.

SARTOR detalha que esta praga consome apenas milho verde, principalmente ao nascer, até 40 dias de cultivo. Ressalta que já existem algumas variedades de milho mais resistentes, cujas sementes são tratadas com inseticida. Neste caso, a cigarrinha morre caso ataque a lavoura. De acordo com o vice-presidente da Federação da Agricultura, estudos comprovam que os cuidados nos primeiros 40 dias de cultivo do milho combatem a praga. Defende que em outras culturas nas quais houve vazios sanitários foram obtidos resultados satisfatórios. LUIZ SARTOR reforça que tirar as condições de sobrevivência da cigarrinha, principalmente no inverno, é importante para eliminar o inseto.

A nutricionista da secretaria da Educação de Tunápolis, CAMILA ROSAR chama atenção para a importância dos produtos da agricultura familiar para uma alimentação saudável nas escolas. O credenciamento deve ser feito até o dia sete de maio. Ela lembra que o PNAE, Programa Nacional de Alimentação Escolar estabelece no mínimo 30 por cento de produtos da agricultura familiar. A prioridade é para a compra dos produtores locais com pagamento do valor de mercado para valorizar a produção local. A nutricionista relata que nesta alimentação saudáveis estão incluídos produtos como cenoura, alface, beterraba e repolho. Já as cooperativas da agricultura familiar podem fornecerem ainda farinha de milho, arroz e feijão, seguindo as regras da vigilância com rótulos e toda a legislação necessária para a industrialização. A Epagri contribui na elaboração dos projetos.

CAMILA ROSAR explica que as entregas semanais são semanais, na secretaria da Educação que recebeu um veículo para redistribuir para as escolas. A meta é evitar o desperdício e oferecer alimentos frescos. De acordo com a nutricionista, o cardápio foi alterado sendo que as crianças até três anos são proibidas de consumirem açúcar. Maioria já tem este hábito de casa e isso gera dificuldades para adaptação ao cardápio mais natural oferecido nas escolas. CAMILA diz que existe dificuldade em alguns produtos, porém as crianças apreciam a alimentação oferecida pelas merendeiras. Em algumas escolas, que possuem limitação de espaço no refeitório, o lanche é oferecido em sala de aula para evitar aglomeração. Cuidados especiais impedem que as crianças sirvam a própria alimentação. A nutricionista considera que isso atrapalha a questão pedagógica de independência dos alunos.

CAMILA ROSAR alerta para hábitos errados na alimentação das crianças. Ela diz que é preciso manter o cuidado para evitar excesso de industrializados. Cita que a época é propicia para o consumo de frutas como bergamota e laranja. A nutricionista reconhece as dificuldades em convencer as crianças sobre hábitos saudáveis. Observa que muitas vezes elas não querem almoçar e logo em seguida estão pedindo algo para comer. Nestes casos os pais precisam estabelecer horários para disciplinar os filhos pequenos. Ela também cita que as crianças não realizam compras nos supermercados e são os pais que compram salgadinhos e outros produtos industrializados que são disponibilizados de forma errada na alimentação. CAMILA ROSAR considera fundamental ter cuidado na hidratação com água, não apenas sucos e chás e sim a água pura mesmo no período de inverno.

Hospital Santa Casa Rural de São João do Oeste não realiza partos há oito anos. Mobilização iniciou em janeiro visando ampliar a equipe médica e receber autorização para prestar o serviço. O Secretário da Saúde de São João do Oeste, MAURO BARELLA, traz a novidade com a sensação de dever comprido. De acordo com ele, desde 2013 não foram mais registrados partos no hospital do município, e a solicitação da comunidade era da retomada destes serviços. MAURO BARELLA informa que foram vários os processos burocráticos, incluindo a reorganização do hospital para atender a legislação, contratualização com o Estado de Santa Catarina pela Secretaria da Saúde e a fundamentação da equipe. Na semana passada, os últimos ajustes foram feitos para proporcionar a devida segurança as gestantes.

MAURO BARELLA cita que a vantagem da retomada de partos no município é proporcionar conforto e comodidade a gestante em ter o parto em sua própria cidade. BARELLA enfatiza que realizou viagens a Florianópolis em busca de contratualização e revelou que o aditivo também já se encontra pronto para assinatura. O Secretário da Saúde destaca que foram feitos investimentos em equipamentos e adaptações da ala de parto normal. MAURO BARELLA cita que atualmente o município possui um mapeamento exato das gestantes do município BARELLA revela que as equipes já estão contratadas e que em breve a realização de partos no Hospital do município terá início.

São João do Oeste enfrenta a pior estiagem em 50 anos e o abastecimento de água enfrenta grande dificuldade. Para evitar um colapso a prefeitura aumenta investimento e passa a puxar água do Rio Uruguai para evitar complicações na cidade e interior. O prefeito GENÉSIO ANTON relata que várias medidas estão sendo adotadas com transporte diário de água de açudes, do Rio Jundiá e a partir desta segunda-feira também ocorre a captação no Rio Uruguai, em Itapiranga com transporte feito por dois caminhões do município. O prefeito diz que o momento é de grande preocupação e medidas urgentes são necessárias. A captação de água do Rio Uruguai ocorre nas instalações que a prefeitura de Itapiranga possui próximo ao CTG Portão do Oeste. ANTON observa que o transporte será de água bruta para o tratamento da Estação na cidade de São João do Oeste.

Falta de chuva reduzi de forma drástica o volume de água dos rios. Produtores rurais também enfrentam dificuldades com o fim das reservas de água e a necessidade de transporte próprio. O prefeito GENÉSIO ANTON informa que o Rio Fortaleza, que abastece as barragens do sistema de captação da cidade, está praticamente seco. Com isso o município decidiu buscar água mais longe para evitar problema ainda maior. De acordo com o prefeito foi elaborado um projeto de lei que será enviado para a câmara de vereadores para legalizar a doação de empresas. Em regime de urgência, o projeto deve ser votado na sessão desta terça-feira e visa a participação de empresas no transporte de água para o sistema público.

São João do Oeste fará o transporte diário de quase 500 mil litros de água. Investimento é considerado alto para atender a demanda. GENÉSIO ANTON destaca contratação de serviços terceirizados e caminhões da prefeitura para transporte de 120 litros do Rio Uruguai, 150 mil de açudes e 200 mil litros. O momento é de grande dificuldade e que exige a contribuição de todos. Está sendo feito um apelo para as pessoas terem o máximo de cuidado com o uso de água e também a contribuição das empresas. GENÉSIO ANTON avalia que a estiagem é extremamente rigorosa e causa temor devido ao baixo nível de água dos reservatórios e dos rios existentes no município.

Jovem é preso com arma de fogo no interior de Itapiranga. Foi sábado por volta das 19 horas e 30 minutos, na comunidade de Santo Antônio, interior de Itapiranga. Durante a Operação Hórus, a Polícia Militar Ambiental abordou uma Montana, de Itapiranga, dirigida por um jovem de 21 anos. Durante a busca no veículo, os policiais encontraram uma espingarda calibre 36 e munições do mesmo calibre. Sendo que o proprietário da arma não possuía a devida documentação. O homem foi preso em flagrante pelo crime de porte ilegal de arma de fogo e conduzido a Delegacia de Polícia Civil da comarca de Itapiranga. A ocorrência também teve apoio da PM de Itapiranga.

O trabalho da Polícia Militar de Itapiranga no fim de semana teve outras ocorrências, incluindo perturbação do sossego. A guarnição foi acionada ontem, às 21 horas e 40 minutos devido a som em alto volume na Rua 14 de Fevereiro, no Bairro Santa Tereza Alto. Os policiais constataram a perturbação com uso de uma caixa de som portátil. Foi instaurado um Termo Circunstanciado e recolhido o equipamento de som que pertencia a um homem de 23 anos de idade. A guarnição da Policia Militar também atuou em rondas na cidade e interior para evitar abusos após o novo decreto de flexibilização para aglomeração de pessoas. /

Capotamento deixa feridos na BR-163 em São Miguel do Oeste. O acidente aconteceu por volta das 18 horas e 30 minutos de sábado, na BR-163 em São Miguel do Oeste, na saída do município sentido a Guaraciaba, em frente ao Casep, local onde inúmeros acidentes já foram registrados. A reportagem da Peperi apurou que no veículo Gol havia três homens. Um buraco na rodovia fez o condutor perder o controle, sair da pista e capotar por algumas vezes. Duas das três vítimas tiveram ferimentos generalizados e considerados graves. Ambos receberam o atendimento do Corpo de Bombeiros e foram levados ao Hospital Regional. A Polícia Rodoviária Federal foi acionada, controlou o trânsito e fez todos os levantamentos.

Argentino fica gravemente ferido no interior. O Corpo de Bombeiros de Itapiranga atendeu por volta das 23 horas de sábado, um homem vítima de suposto atropelamento em Linha Aparecida, interior de Itapiranga. O argentino estava deitado na estrada, sem estímulos, apresentando afundamento do crânio na região lateral direita, além de fratura no braço direito. Após os primeiros atendimentos, o homem foi encaminhado para o Hospital de Itapiranga, onde na manhã de domingo, devido à gravidade dos ferimentos, foi transferido para o Hospital Regional de São Miguel do Oeste. O veículo que supostamente teria atropelado o homem, que é morador da região de fronteira, não foi identificado.A Polícia Militar também esteve presente no local auxiliando na ocorrência.

PROGRAMAS

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.