Por 8 votos a 1, STF nega liberdade a Eduardo Cunha

Marcos de Lima
Brasília

15/02/17 19:34 - Atualizado em 15/02/17 20:02

Foto: Rodolfo Buhrer/Reuters

O  Supremo Tribunal Federal negou nesta quarta-feira, 15, um pedido de liberdade apresentado pela defesa do deputado cassado Eduardo Cunha, do PMDB-RJ.

Seguindo recomendação do novo relator da Operação Lava Jato na Corte, Edson Fachin, e por 8 votos a 1, a maioria dos ministros resolveu mantê-lo na prisão em Curitiba, o único voto a favor de conceder liberdade a Cunha foi do ministro Marco Aurélio Mello.

O peemedebista, que teve o mandato cassado em setembro, foi preso em outubro do ano passado pela Polícia Federal em Brasília por determinação do juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos da Operação Lava Jato na primeira instância.

No âmbito da Lava Jato, Eduardo Cunha responde a diversas ações penais por suposto recebimento de propina oriunda de contratos da Petrobras.

Fonte: G1


Veja também

20/02/17 07:48
Passageiro é flagrado com droga no interior de ônibus na BR-163
Barracão
19/02/17 22:04
Futsal São Lourenço estreia com goleada na Copa Catarinense
São Lourenço do Oeste
19/02/17 18:08
Pérola e Grêmio Tunense empatam pelo Regional
São Miguel do Oeste
PEPERI AM
TOP 104 FM
CIDADE AM
ITAPIRANGA AM
ATALAIA AM
CEDRO FM
OESTE FM
×
Advocacia Fávero  SicrediAl ContabilidadePinheirinho 24hHabiteto  SompelTop MarteImobalMayerMadebal ZanotelliBolfe
REDE PEPERI DE COMUNICAÇÃO
Telefone 3622-1877
Rua Marquês do Herval, nº 977.
Desenvolvido por: